Recebemos o seguinte email escrito no dia 26/02 pela esposa do irmão Alaor Leite. Alguns dias após esta mensagem, ele saiu do hospital e segue com sua agenda normal de atividades.

Querida família em Cristo:

Agradecemos a todos pelas orações em favor do Alaor. Deus é muito bom!!!

No domingo, dia 15/2, após um almoço em nossa homenagem na Igreja de Cristo do Centro de Amarillo, o Alaor passou mal e desmaiou. Os irmãos da igreja chamaram o socorro e os paramédicos chegaram em menos de 5 minutos.

Um irmão da igreja, que é cardiologista, recebeu o Alaor no hospital e diagnosticou o ataque cardíaco. Imediatamente fizeram uma angioplastia e colocaram um stent. Entre o tempo que o Alaor teve o ataque cardíaco e já estar repousando na cama da UTI após a angioplastia, havia se passado menos de uma hora e meia!

Nos dias seguintes os médicos fizeram diversos exames e constataram que os rins dele estavam falhando e funcionando com apenas uma fração da capacidade total. O que atrapalhou mais ainda os rins foi um produto que usam para tirar fotos do coração para verificar onde as artérias estão bloqueadas; esse produto ataca os rins. Eles então iniciaram um tratamento para elevar o nível de funcionamento dos rins para pelo menos o nível em que estavam quando ele chegou no hospital, que agora descobrimos ser menos de 22%.

O coração dele está mais forte e a angioplastia funcionou. Talvez haja a necessidade de mais duas, porém por enquanto eles ainda estão tentando solucionar o problema por meio de medicamento.

Os exames indicaram também que ele estava anêmico, portanto fizeram uma transfusão de sangue.

Os exames também apontaram níveis baixos de cálcio, ferro e proteínas. Ele tomou ferro intravenoso, cálcio e agora a nutricionista está incluindo suplementos proteicos na alimentação. O médico acha que isso deve ajudar também a aliviar o inchaço nas pernas.

Tanto o cardiologista quanto o especialista em rins estão muito animados com o progresso do Alaor. Acham que tudo está caminhando bem e que possivelmente sairá do hospital no domingo ou na segunda-feira, mas ainda falta confirmar isso.

Após a alta, ficaremos em Amarillo um ou dois dias e depois iremos para Oklahoma City. Depois de umas duas semanas, precisaremos voltar a Amarillo para novos testes a fim de verificar como o coração está e se será mesmo necessario nova angioplastia ou se os medicamentos já ajudaram a desbloquear as artérias.

Sabemos que Deus sempre está no controle. Pedimos que continuem intercedendo, pois a caminhada será longa.

Estamos com muitas saudades de todos. Fiquem firmes, inabaláveis, pois no Senhor o seu trabalho não é vão. Obrigado por tudo!

Com muito amor, Miriam